LOJINHA HISTÓRIA RELIGIOSOS PASTORAIS NOTÍCIAS OBRAS SOCIAIS PROJETO RESTAURO


Conheça um Pouco da História da Basílica Menor

História

Localizada no alto do morro  do Vale do Anhangabaú, a atual Igreja de Santa Ifigênia está construída no lugar de uma das mais antigas capelas da cidade, a Capela de Nossa Senhora da Conceição, construída 1720. Essa primeira capela foi reformada a partir de 1794, e, conforme edito do príncipe regente Dom João VI, em 1809 surgiu a paróquia de Nossa Senhora da Conceição - Santa Ifigênia, que deu nome ao largo e ao bairro localizado ao redor da igreja. D. João também determinou que a Irmandade de Santa Ifigênia e Santo Elesbão, cujos membros eram negros alforriados, se estabelecesse na nova igreja.

A igreja colonial foi demolida no início do século XX. O projeto atual foi elaborado pelo arquiteto austríaco Johann Lorenz Madein. A construção da atual igreja começou em 1904, sendo inaugurada, ainda inacabada, em1910. As obras terminaram por volta de 1913. O estilo arquitetônico da igreja, que nada tem a ver com o antigo edifício colonial, tem um caráterneo-românico com detalhes neogóticos, inspirado em igrejas medievais do norte da Europa. O interior foi ricamente decorado com pinturasvitraispúlpitos e um órgão monumental.

Entre 1930 e 1954, em razão da construção da Sé de São Paulo, a Igreja de Santa Ifigênia serviu de catedral da cidade. Em 18 de abril de 1958, foi elevada ao grau de basílica, com nome de Basílica do Santíssimo Sacramento, pelo papa Pio XII. Foi tombada pelo Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo (CONPRESP) em 1992.